Cart - Recuo mais expressivo é representado pelo perímetro urbano de Prudente, com declínio de 67%

Foto: Cart - Recuo mais expressivo é representado pelo perímetro urbano de Prudente, com declínio de 67%

JANEIRO A OUTUBRO

Acidentes com veículos pesados caem 42% na região

Diminuição de colisões traseiras em área da SP-270 é resultado de modernização da rodovia e ações de conscientização, aponta Cart

  • 22/11/2019 15:47
  • DA REDAÇÃO

Acidentes envolvendo veículos pesados tiveram redução de 42% na Rodovia Raposo Tavares (SP-270), na região de Presidente Prudente. Levantamento divulgado pelo CCO (Centro de Controle de Operações) da Cart (Concessionária Auto Raposo Tavares), aponta que o registro de colisões traseiras apresentou recuo de 19 para 11 ocorrências na comparação de janeiro a outubro de 2018 com igual período de 2019.

O recuo mais expressivo nas estatísticas é representado pelo perímetro urbano de Presidente Prudente, com declínio de 67% – de três para uma ocorrência no período analisado. Piquerobi e Presidente Epitácio tiveram, cada uma, queda pela metade – de quatro para dois e de dois para um acidentes, respectivamente. Já Álvares Machado teve redução de 33% (seis para quatro); e Regente Feijó, de 25%, de quatro para três ocorrências.

Em dez anos de concessão, a dinâmica do corredor logístico passou por transformações estruturais e tecnológicas que contribuíram com a preservação de vidas. “O corredor foi duplicado, recebeu bases de atendimento ao usuário e canais de comunicação, além da vistoria incessante do trecho por operadores viários. Outra mudança importante é no comportamento dos motoristas atendidos em eventos de conscientização e de promoção à saúde e bem-estar realizados pela concessionária na programação do Atitude Segura & Gentileza, iniciativa do Instituto Invepar”, afirma Marcos Lanuti, coordenador de Operações da Cart.

 

“Acorda Motorista”

Mensalmente, a Cart promove, em parceria com a Polícia Militar Rodoviária, ações voltadas a motoristas que utilizam o corredor com o objetivo de conscientizá-los sobre a prática da direção segura. Nas edições do “Acorda Motorista”, as abordagens ocorrem sempre na madrugada, período em que há maior risco de colisões provocadas por sonolência ao volante.

De acordo com Marcos Lanuti, os motoristas passam por aferição de pressão arterial e do índice glicêmico e são orientados sobre manutenção do veículo e cuidados com a própria saúde para seguirem viagem com segurança. “A Cart cumpre um cronograma do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo, que prevê, além da ampliação e manutenção das rodovias que administra, iniciativas de cunho socioambiental que promovam o compartilhamento harmônico do trânsito. E o ‘Acorda Motorista’ parte deste princípio, de mostrar aos motoristas, especialmente caminhoneiros, que a chegada ao destino é tranquila para quem pega a estrada descansado e cuida da parte mecânica e dos itens de segurança do veículo antes de viajar”, destaca.

DA REDAÇÃO

DA REDAÇÃO

Jornalista da Redação

PUBLICIDADE