PESO PESADO

Aaron Dayan é campeão no Pan-Americano de Jiu-Jitsu

Lutador ocupa o 3º lugar do ranking nacional da modalidade e já traça objetivos para 2019

Cedidas/Aaron Dayan de Oliveira Mariano - Título veio após superação e em meio a dificuldades para o atleta Cedidas/Aaron Dayan de Oliveira Mariano - Título veio após superação e em meio a dificuldades para o atleta

O atleta Aaron Dayan de Oliveira Mariano lutou no último sábado pelo Pan-Americano de Jiu-Jitsu e conquistou o título da competição pela categoria pesado até 94 quilos. O lutador, que já ocupa o terceiro lugar do ranking nacional da modalidade, competiu com atletas de várias regiões em quatro lutas de seis minutos, das quais todas saiu vitoriosas. Para 2019, Aaron tem o objetivo de continuar treinando para buscar mais resultados como este, além de trabalhar a junção dos aspectos físicos, mentais e técnicos para estar sempre nas melhores posições.

De acordo com o lutador, as disputas foram acirradas, pois o nível dos adversários era alto. “Encontrei atletas bem preparados e com sede de vitória, mas mesmo diante de toda a adrenalina e nervosismo, consegui impor meu jogo e ser campeão”, conta. Aaron conta que ser campeão de um Pan-Americano foi algo gratificante para carreira. “Em meio a tantas dificuldades com patrocínio, consegui vir para o campeonato e ainda sair com a vitória, isso para mim é uma alegria muito grande”, declara.

No próximo ano, o lutador pretende focar ainda mais nos treinos, tanto nos aspectos técnicos, como também no físico e mental. “Mesmo diante destes bons resultados, não podemos parar, e sim sempre ir em busca de classificações ainda melhores para mim”, relata. Ele declara que ainda pretende encontrar alguma parceria para por em prática o sonho de construir um projeto social. “Quero ajudar crianças e jovens e inseri-las no mundo do jiu-jitsu, para que saibam sobre a capacidade desta modalidade em estimular o crescimento pessoal. Se você vence no jiu-jitsu, você vence na vida!”, afirma.