10ª RA fecha dezembro com menos 2.568 vagas de trabalho

Setores de comércio e indústria apontam ano

THIAGO MORELLO - Da Redação • 27/01/2018 12:18:42

A 10ª RA (Região Administrativa do Estado de São Paulo), cuja sede é Presidente Prudente, fechou o ano de 2017 com aumento no desemprego. No mês de dezembro, o saldo regional foi de menos 2.568 postos de trabalho, segundo os dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). Para se ter uma ideia, o número de contratações chegou a 261, levando em conta as 53 cidades da RA, contra 2.829 demissões. O setor mais afetado foi o da indústria.

Prova disso (veja tabela) é que a assim como nos demais segmentos, as indústrias fecharam mais portas do que abriram. O saldo foi de menos 790, com 844 portas fechadas e 54 abertas. O diretor regional do Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo), Wadir Olivetti, pontua que a situação não é nova e que o ano passado foi o “ápice” de uma temporada ruim, que vem desde 2015. “E isso é tanto no mercado interno quanto externo. A crise veio e prejudicou mais que do que se imagina e a consequência é a demissão de funcionários”, completa.

Por se tratar do mês de dezembro, Wadir lembra que afeta mais ainda, pelo fato de que o comércio e demais setores trabalham com o estoque de produtos. “O que tinha que comprar, eles já compraram, então, a busca por novos itens vai reagir só no começo do ano. Sendo assim, se não tem procura, não há montagem e venda”, explica.

E por falar em comércio, a época de maior movimentação sempre foi a de fim do ano, o que deveria contribuir para contratação, mesmo que temporária. No mês de dezembro, os números mostram que o saldo também foi negativo para o setor, com menos 32 vagas de emprego. Na explicação do presidente da Associação Comercial, Ricardo Anderson Ribeiro, os chamamentos ocorrem em outubro e novembro. No último mês do ano, ele já precisa estar treinado e atuando. “Mas mesmo assim não podemos deixar de citar que não foi um ano bom”, argumenta.

Contudo, ele garante que 2017 não foi o pior, já que existem “anos que são ruins para todos” e apesar de tudo alguns setores tiveram uma boa movimentação. “Mesmo que baixa, elas ainda tiveram. É melhor pouco crescimento do que estagnação ou queda”, expõe.

À reportagem, Wadir e Ricardo Anderson comentam que 2018 é o ano da “aposta” e tudo tem se movimentado para ser melhor. No entanto, uma estabilidade política e jurídica será fator decisivo para que as coisas comecem a melhorar, de fato.

 

Cenário nacional

No que tange ao mercado de trabalho formal brasileiro, o Ministério do Trabalho confirma que já é possível “ver melhora”, uma vez que 20.832 vagas foram fechadas, sendo uma redução de 0,05% em relação ao estoque de 2016. “Para os padrões do Caged, esta redução em 2017 é equivalente à estabilidade do nível de emprego, confirmando os bons números do mercado na maioria dos meses do ano passado e apontando para um cenário otimista neste ano que está começando”, afirma o ministro da pasta, Helton Yomura, por meio da Assessoria de Imprensa.

Ainda levando em conta o cenário nacional, mas no mês de dezembro, o comércio, por exemplo, fechou em saldo positivo, com 6.285 novos empregos. Tal situação destoa da 10ª RA, que fechou em queda. Veja no gráfico cidades e ocupações que mais criaram e fecharam postos.

 

 

SAIBA MAIS

O Caged também realizou um levantamento, mostrando o saldo dos últimos 12 meses da região, no entanto, levando em conta as cidades que possuem mais de 10 mil habitantes. Na 10ª RA, foram 23. Juntas, elas fomentaram um cenário negativo no saldo total, sendo menos 1.247 empregos. Foram 52.358 admissões, contra 53.785 demissões.

 


CAGED DEZEMBRO

Município Extrativa mineral Indústria de transformação Serviços Industr. de Utilidade Pública Construção Civil Comércio Serviços Administração Pública Agropecuária, extr. vegetal, caça e pesca Total
Adamantina 0 -42 0 0 -3 7 -42 -314 -394
Alfredo Marcondes 0 -13 0 -1 1 1 0 2 -10
Álvares Machado 0 -2 -1 -10 1 -6 -69 3 -84
Anhumas 0 0 0 0 1 -4 0 -12 -15
Caiabu 0 0 0 -1 0 0 -2 0 -3
Caiuá 0 -1 0 0 0 10 -12 -1 -4
Dracena 0 10 0 -2 -39 -11 0 -8 -50
Emilianópolis 0 0 0 0 0 2 0 -2 0
Estrela do Norte 0 0 0 -9 2 -1 0 0 -8
Euclides da Cunha Paulista 0 0 0 -2 3 -4 0 0 -3
Flora Rica 0 0 0 0 0 0 0 1 1
Flórida Paulista 0 33 0 -2 -2 -35 -21 8 -19
Iepê 0 -1 -1 -1 -1 -6 0 -5 -15
Indiana 0 -1 0 0 -1 -2 0 2 -2
Inubia Paulista 0 -7 0 0 6 2 -1 1 1
Irapuru 0 0 0 0 -5 0 0 -1 -6
Junqueirópolis 0 -93 0 -3 -31 -31 0 -5 -163
Lucélia 0 -38 0 -35 -10 28 0 -4 -59
Marabá Paulista 0 0 0 0 1 0 0 -4 -3
Mariápolis 0 0 0 -1 0 -4 -4 -1 -10
Martinópolis 0 -41 0 -1 3 -16 0 -33 -88
Mirante do Paranapanema 0 -36 0 2 -3 -13 0 -4 -54
Monte Castelo 0 0 0 0 1 -28 0 -32 -59
Nantes 0 0 0 0 -1 -22 0 0 -23
Narandiba -2 -5 0 0 0 -6 0 -2 -15
Nova Guataporanga 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Osvaldo Cruz 0 -28 -1 -7 -6 -26 0 -5 -73
Ouro Verde 0 -4 0 -1 -2 -4 0 -7 -18
Pacaembu 0 0 0 0 4 -5 0 1 0
Panorama -2 -15 0 -3 19 -14 -4 3 -16
Paulicéia 0 -47 0 -27 4 -3 0 -2 -75
Piquerobi 0 -5 0 0 0 0 0 0 -5
Pirapozinho 0 -7 0 -6 -1 -9 0 0 -23
Pracinha 0 0 0 0 -3 -6 0 0 -9
Presidente Bernardes 0 -9 -1 2 -5 -9 -75 -4 -101
Presidente Epitácio 0 -3 1 -10 -6 -59 0 0 -77
Presidente Prudente -1 -341 -4 -129 28 -128 0 -1 -576
Presidente Venceslau 0 -2 0 0 14 -11 0 -4 -3
Rancharia 0 6 0 1 -6 -24 0 -122 -145
Regente Feijó 0 -12 0 -2 7 -5 0 0 -12
Ribeirao dos Índios 0 0 0 0 0 0 0 -1 -1
Rosana 0 -2 0 -1 8 -7 0 1 -1
Sagres 0 0 0 0 -1 -1 0 1 -1
Salmourão 0 -3 0 0 -3 0 0 0 -6
Sandovalina 0 -76 0 1 -2 0 0 -2 -79
Santa Mercedes 0 -1 0 0 1 -22 -2 -2 -26
Santo Anastácio 0 4 0 -2 -10 -15 0 0 -23
Santo Expedito 0 0 0 0 -1 -4 0 -1 -6
Sao João do Pau d'Alho 0 0 0 0 -1 0 0 0 -1
Taciba 0 0 0 0 0 0 -17 -5 -22
Tarabai 0 -4 0 0 -11 3 -4 2 -14
Teodoro Sampaio 0 -5 0 0 17 -73 0 -18 -79
Tupi Paulista 0 1 0 0 1 -35 -26 -32 -91
Total -5 -790 -7 -250 -32 -596 -279 -609 -2.568

Fonte: Caged

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste