Após quebra de banco parceiro, Neon Pagamentos volta a cadastrar novos clientes

Economia

| FILIPE OLIVEIRA SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS)

Após ter parte de suas atividades bloqueadas, a startup financeira Neon Pagamentos voltou a receber cadastros de novos clientes nesta quarta-feira (16). A fintech oferecia contas digitais a partir de parceria com o Banco Pottencial —empresas de tecnologia precisam desse tipo de acordo para registrar transações no sistema bancário. As duas companhias, apesar de independentes, passaram a funcionar com o nome Banco Neon. Com a liquidação extrajudicial do Pottencial pelo Banco Central no início do mês, devido a identificação de um rombo patrimonial e indícios de crimes financeiros, parte das atividades da fintech ficaram bloqueadas. Dois dias depois do caso, a Neon anunciou parceria com o Banco Votorantim para retomar seus negócios. Na ocasião, Pedro Conrade, fundador da companhia, disse que sua prioridade seria reestabelecer o atendimento dos clientes. A Neon Pagamentos afirma ter 600 mil usuários de seus serviços. Segundo a startup, até o momento já foram normalizados os serviços de cadastro, ativação e uso do cartão de débito, recarga de celular, pagamento de contas, saque, transferência, consulta de saldo, chat no app e notificações. Outras funções da conta, entre elas o depósito a partir de boletos, seguem indisponíveis. A lista do que está funcionando pode ser acompanhada em página criada pela companhia.

Comente com o editor

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste