Turminhas da Ocyr Azevedo aprendem com Jornal na Escola

O Imparcial na Escola • 17/07/2018 06:45:00

E.M. Profº Ocyr Azevedo. Foto: Cedidas

Devido à continuidade da parceria firmada com a Seduc (Secretaria Municipal de Educação) e o jornal O Imparcial foi possível o desenvolvimento do projeto “O Imparcial na Escola” neste primeiro semestre de 2018. O uso deste rico recurso pedagógico nos possibilitou observar que o interesse dos alunos pelo jornal diário continua aumentando e tornando-o essencial na rotina diária da unidade escolar incluindo os alunos da Educação Infantil e do AEE.

Recurso pedagógico

Quando dizemos que o jornal é um riquíssimo recurso pedagógico complementar às atividades curriculares, podemos mencionar pelo motivo de conter matérias que incluem a rica diversidade de gêneros textuais presentes no convívio social e na vida do aluno como: artigos de opinião, poesias, notícias, concursos, acrósticos, charges, dicas (saúde, esporte, trabalho, vivências), recados, bilhetes, cartas, crônicas, contos, diários, receitas, entrevistas, histórias em quadrinhos, resenhas (livros, filmes), adivinhações, charadas, desafios matemáticos etc.

Leitura de mundo

Isso propicia ao professor trabalhar com os alunos o incentivo a melhoria da leitura e da escrita estimulando a expressão oral e produção textual, o desenvolvimento da aprendizagem, o gosto pela leitura, a apropriação de um texto verídico, do cotidiano de todos os alunos, famílias, escola e sociedade. Utilizá-lo como ferramenta de aprendizagem favorece uma leitura de mundo, onde o aluno se coloca como agente do processo e principalmente como um cidadão crítico e modificador do espaço em que vive.

Atividades inúmeras

Diariamente recebemos exemplares do jornal, um para cada classe. Também ficam edições a disposição dos funcionários na sala de leitura e dos gestores da escola. As atividades com o jornal são inúmeras, dentre elas posso citar o trabalho com a leitura da manchete do dia, interpretação de reportagens, pesquisas em geral, manuseio correto do jornal, ler as notícias principais, discutir e produzir textos (resumos); produzir textos de opinião/argumentativos; pesquisar em outros meios de comunicação a mesma notícia/assunto (um aluno de cada vez).

Continuidade

colher comentários da família sobre o assunto estudado; ler as crônicas e discutir com os alunos a idéia principal; trabalhar a variação linguística e a estrutura da língua nos diversos tipos de textos jornalísticos e promover debates.

Com base nestes fatores citados é de suma importância que este gênero seja abordado na escola, pois é fonte inesgotável de possibilidades que abrange todas as áreas do conhecimento.

 

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste