Pequenos se preparam para volta às aulas!

Espaço infantil • 25/01/2018 17:38:32

“A serenidade no olhar de quem ainda nem tamanho tem direito, mas acordou cedo para ir à luta em busca de aprendizado!”. Essa é a realidade - e que bom - de muitas crianças que estão voltando às aulas seja em escolas públicas ou particulares, como a pequena Heloisa Silva Noya de Aguiar. Nem sempre os pais vão ter a felicidade de ver esse sorriso aberto, pois muitos pequenos sentem em seus coraçõezinhos os primeiros dias de aula. E, acredite, essas pessoas grandes também sofrem até se adaptarem.

Pois bem, é sempre bom, quando estes adultos que “morrem de amores” por seus filhos, podem contar com os conselhos, dicas de uma profissional que estudou sobre o comportamento humano. E “cá” está a psicóloga Ieda Benedetti para auxiliá-los com algumas orientações.

Vale comprar aquele material que a criança gosta, como de personagens, para estimulá-la na volta às aulas? “Um pouquinho sim, uma coisa ou outra vale a pena. Não pode ser uma coisa chata que ela não se identifique, não gosta, mas também não pode ser um material tão cheio de informações, estímulos que roubem a atenção da escola. Escolha um ou dois itens temáticos e o restante funcionais”, orienta a psicóloga.

Outro assunto sério vem em mente. Qual o melhor horário para colocar os pequenos na cama para que não sintam tanto até entrarem no ritmo? Ieda explica que a criança deve ser de pelo menos umas nove horas e meia antes do que têm de ir para a escola. Ou seja, os pais precisam calcular o tempo de oito horas de sono e uma para acordarem, se prepararem.

“É muito importante que as crianças durmam cedo e tenham o hábito de fazê-lo enquanto está escuro porque os hormônios [melatonina] que são liberados sem a luz são muito importantes para a organização da memória. Então, é essencial que os pequenos acordem uma hora e meia antes de iniciarem suas atividades escolares. É importante que aproveitem todo o escurinho para dormir”, acentua a pscóloga.

Cuidado com excessos

Ieda alerta que além de estudar, a criança precisa brincar. Ter um espaço para oscilar, para que possa desenvolver o seu potencial criativo e compreender seus próprios desejos para que evolua sendo cada vez mais ela mesma.

Conforme a especialista, quando se monta uma grade de atividades a criança tem que seguir uma série de protocólos e acabam se distanciando do processo subjetivo dela própria. Perde a conexão consigo mesma. “Às vezes elas são colocadas no balé, na prática esportiva, na pintura e essa é uma criança, por exemplo, que escreveria músicas, poesias e acabou não entrando em contato consigo mesma. Entende? Acaba inibindo o desenvolvimento de alguns potenciais. Contudo, é importante sim que elas pratiquem alguma atividade física sem excesso. Uma ou duas vezes por semana atividades de psicoterapia, psicomotricidade, dependendo da necessidade da criança são essenciais, desde que não as desconectem dela mesma”, acentua a especialista.

Então, pais, tentem descobrir com a criança, além das obrigações escolares, o que ela gostaria de fazer, futebol, natação, karatê, balé... “Faça um planejamento para que ela o que escolheu tenha começo, meio e fim. Isso para que elas não adquiram o hábito de começar as coisass e deixá-las pela metade. Para que elas entendam que além de aptas, devem ser responsáveis”, alerta.

 

Pai e mãe são exemplos!

Nem toda criança gosta de ir à escola. Como os pais, ou outro adulto que passe mais tempo com os pequenos, podem explicar a importância da educação na vida de uma pessoa? Ieda é clara em afirmar que isso não se consegue de uma hora para a outra. A criança aprende muito mais pelo que ela vê do que pelo que ouve. Uma explicação não vai sobrepor a todo um exemplo: o pai não lê, a mãe não valoriza, fala errado, não tem uma atividade de autoaprimoramento, estão ali só jogando, comendo ou bebendo. Então a criança nunca vê essa prática embricada na convivência do seu dia a dia, ai em um determinado viram para ela e falam que é muito importante ela estudar, ela não vai compreender isso.

“Não adianta vir com uma solução de última hora. Para que seu filho entenda o papel da educação formal na sua vida ele precisa estar em contato com isso em sua rotina diária”, afirma a psicóloga.

OSLAINE SILVA - Da Redação

 

agenda

ARTE EM CENA

Dr. Plástico”

Data: domingo

Horário: 15h

Local: Bosque do Sesc Thermas

Entrada: gratuita

OFICINA

Cavalo de Pau”

Data: Domingo

Horário: Das 14h às 17h

Local: Bosque do Sesc Thermas de Presidente Prudente

Inscrições: gratuitas, na Central de Atendimento

 

Close Criança

Dia 27 é dia de festa para a família da linda Isabella Belasco Lolli, pois é o seu aniversário!!! Motivo de muita alegria para os papais Hugo Alberto Lolli e Amanda Belasco Queiroz e, claro, para os avós Valdenir Freitas Queiroz e Neide Belasco Queiroz. Deus os abençoe!!!

 

E já no dia 30, a festa vai para o pequeno Murilo Rezende Queiroz. A alegria pela data é dos papais Rodrigo Rezende e Vanessa Belasco Queiroz, bem como para os avós Valdenir Freitas Queiroz e Neide Belasco Queiroz. Muitas benções em sua vida!!!
Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste