Impresso possibilita contato com notícias e características dos gêneros textuais

O Imparcial na Escola • 02/10/2018 06:00:00

A Escola Municipal Dr. Pedro Furquim desenvolve diversas atividades envolvendo o jornal. A circulação desse veículo de comunicação no âmbito escolar é de suma importância, pois possibilita aos alunos o contato com as notícias da atualidade e o estudo das características de diversos gêneros textuais e do portador. A forma pela qual o jornal está estruturado permite com que os alunos e professores aprofundem o trabalho pedagógico, facilitando o acesso e a pesquisa dos temas de interesse. Todo trabalho inicia-se em compreender como o jornal é estruturado e quais gêneros textuais podem ser encontrados nesse portador.

 

Desenvolvimento

A proposta de trabalho com o jornal O Imparcial, na sala escola, tem como objetivos desenvolver nos alunos a capacidade de ler, analisar, compreender, interpretar e desenvolver o senso crítico. Além de questionar os interesses que norteiam a produção da informação dos grandes meios de comunicação. Para desenvolver tais habilidades e competências, procuramos destacar a importância de saber identificar as informações básicas contidas em uma notícia; de avaliar a clareza do texto; de perceber que o jornal pode ser uma importante ferramenta de pesquisa.

 

 

Formação

Sem dúvida, este tipo de trabalho contribui para a formação de um leitor/ produtor de texto mais habilidoso e crítico, pois os textos jornalísticos permitem que as crianças tenham acesso a notícia, ao fato em si, mas também a um ponto de vista acerca do assunto abordado, possibilitando o exercício de um posicionamento político frente à informação e aos fatos ocorridos na sociedade em que está inserido. Além disso, as crianças acabam transformando-se em formadores de opinião, despertando o interesse de seus familiares pela leitura do jornal.

 

 

Processo

Ao longo do processo de execução do trabalho com o jornal na sala de aula, ficaram evidentes o envolvimento, o entusiasmo e o empenho das crianças na realização desta proposta. Sem dúvida, este tipo de trabalho contribui para a formação de um leitor/ produtor de texto mais habilidoso e crítico, pois, os textos jornalísticos permitem que as crianças tenham acesso a noticia, ao fato em si, mas também a um ponto de vista acerca do assunto.

 

Projeto

Durante o 1º semestre de 2018, as salas dos 5ºs anos (professoras: Maria José Silva dos Santos e Marta Moreira Balcelobre), realizaram diversas atividades de uso do jornal. Foram executas atividades dirigidas de conhecimento e manuseio do jornal; atividades de roda da leitura, com leituras compartilhadas de noticias, seguindo orientações do material paradidático Ler e Escrever. Os alunos ainda aproveitaram para conhecer os trabalhos realizados por alunos de outras escolas da Rede Municipal de Ensino, publicado todas as 5ªs feiras, refletindo sobre o alcance deste meio de comunicação.

 

Rotina

No mês de junho, a turma do 5º A se deparou com uma reportagem, onde uma das colegas foi entrevistada; montaram cartaz e divulgaram pela escola. O jornal faz parte de uma rotina sistemática de atividades, até mesmo como material de apoio ao livro didático, pois os 5ºs anos estão estudando o gênero textual Notícia.

 

Sacola da leitura

A sacola da leitura é um projeto desenvolvido nos 4ºs anos (professoras: Mara Regina Brugnollo Rezende, Marileia Fernandes Crepaldi e Luciana Marques da Silva Bonfim) e consiste em uma sacola com uma pasta que contém as fichas de leitura que devem ser completadas com as informações do livro. Na ficha de leitura o leitor também pode opinar sobre o que achou do livro. Uma vez por semana os alunos visitam a biblioteca da escola para fazer a escolha e troca de seus livros.

 

Em casa

O jornal também faz parte deste projeto, onde a cada semana duas crianças são contempladas e levam a edição do dia para casa, onde com a família é escolhida alguma tirinha ou reportagem que mais gostou ou mais lhe chamou atenção. Esta escolha é registrada na ficha de leitura. O processo de aceitação por parte dos alunos e família é excelente, causando expectativas e ansiedade na sala, para saber quem vai ser os dois alunos contemplados a levarem o jornal (escolha feita por sorteio). Este projeto tem contribuído para o desenvolvimento dos alunos, contribuindo e acrescentando no processo de alfabetização e na formação de um cidadão leitor.

 

 

Fotos: Cedidas/Escola Municipal Dr. Pedro Furquim

 

 

 

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste