​​​​​​​O refinado sabor da ricota

Delícias & Delícias • 31/01/2018 14:03:39

Raros os queijos tão versáteis e com tantas aplicações culinárias quanto a ricota. Teste estas sobremesas e prepare-se para calorosos elogios!

 

Creme de Ricota Light

Ingredientes: 1 ricota fresca em pedaços (400 g), 200 ml de leite desnatado, bem quente, 1 colher (sopa) de margarina light, uma pitada de sal.

Preparo: Junte todos os ingredientes no liquidificador e bata por aproximadamente 1 minuto. Retire e guarde em um recipiente bem fechado na geladeira por no máximo 5 dias. Acrescente canela em pó, essência de baunilha, etc. Use em pães, doces, sorvetes, sobremesas.

 

Cheesecake Romeu e Julieta

Ingredientes: Massa: 200 g de bolacha Maria 2 colheres de sopa cheias de margarina.

Recheio: 300 g de ricota , 1 lata de leite condensado, 3 colheres de sopa de farinha de trigo, 3 colheres de açúcar, 1 ½ xícara de leite.

Cobertura: 3 colheres de sopa de geléia de goiaba.

Preparo: Massa: Triturar as bolachas no liquidificador até formar uma farinha, misture com a margarina. Amasse e coloque numa forma de abrir, forrando o fundo e as laterais. Asse por 10 minutos.

Recheio: Bata tudo no liquidificador até ficar homogêneo, despeje sobre a massa de biscoito que está na forma de aro removível, leve para assar por +- 40 minutos em forno pré-aquecido. Deixe esfriar e cubra com a geleia de goiaba.

 

Bolo de Ricota

Para a massa: 300 g de farinha de trigo, 100 g de açúcar, 175 g de margarina, 1 ovo, 1 pitada de sal.

Para o recheio: 60 g de uvas-passas, 3 colheres (sopa) de rum, 1 colher (chá) de baunilha, 1 limão, 1 kg de ricota fresca passada na peneira, 5 ovos, 150 g de açúcar, 2 colheres de amido de milho, farinha para abrir a massa, margarina para untar, 2 colheres (sopa) de farinha de rosca, açúcar de confeiteiro para polvilhar.

Preparo: Misture a farinha, o açúcar, a margarina em temperatura ambiente, o ovo e o sal. Amasse e forme uma bola. Cubra e leve à geladeira por 30 minutos. Para o recheio, deixe as uvas-passas de molho no rum. Rale a casca de limão, junte a ricota, o amido de milho e as uvas-passas. Junte 3 a 4 colheres (sopa) de suco de limão. Misture bem. Bata as claras em neve com uma pitada de sal e acrescente cuidadosamente os ingredientes restantes. Abra a massa sobre uma superfície polvilhada com farinha. Coloque numa assadeira de 30 cm x 36 cm untada. Polvilhe com a farinha de rosca, cubra com o recheio e alise. Asse em forno preaquecido moderado por cerca de 1 hora. Cubra o bolo com papel alumínio depois de 30 minutos. Depois de desenformar, polvilhe com açúcar de confeiteiro.

 

Sabor Mágico

Combinar os sabores marcantes do manjericão, dos pinolis e queijos ao versátil macarrão é a proposta desta receita, boa demais para o verão. É um prato que tem sabor fresco e é muito leve. No lugar do spaghetti pode ser usado penne ou fusilli. Você também pode preparar o pesto, colocá-lo num vidro, cobrir com azeite e guardar na geladeira por alguns dias.

 

Spaghetti al Pesto Genovese

Ingredientes: (para 6 pessoas): 500 g de spaghetti grano duro, 120 ml de azeite extra-virgem, 1 maço grande de manjericão, 20 g de pinolis (castanha-do-Pará ou nozes), 3 dentes de alho médios, 60 g de queijo pecorino, finamente ralado e uma pequena quantidade ralado mais grosso para o acabamento, 60 g de queijo parmesão ralado, 2 colheres (sopa) rasas de sal.

Preparo: No processador, coloque o alho e o sal, bata até conseguir uma pasta espessa (pode ser usado um pilão). Junte as folhas lavadas e secas do manjericão e bata até conseguir uma pasta verde. Acrescente os pinolis e os queijos. Bater novamente. Junte o azeite, misturando bem. Reserve. Coloque o macarrão para cozinhar “al dente” em bastante água e uma colher (chá) de sal. Escorra e reserve. Passe, rapidamente, um fio de azeite no fundo de cada prato onde a massa será servida. Coloque uma porção de macarrão, por cima um pouco de pesto, alguns pinolis e lasquinhas de queijo pecorino. Sirva imediatamente.

• Pinolis ou snubar são pequenos pinhões ovalados, cor de manteiga, originários do Oriente Médio e muito utilizados nas cozinhas italiana, francesa, indiana e turca. Por aqui, são difíceis de serem encontrados. Substitua-os por nozes ou catanha-do-Pará.

• O pecorino é um queijo proveniente do leite de pécora (ovelha em italiano). É fácil encontrá-lo, mas pode ser substituído por um bom queijo parmesão.

• O manjericão deve ser picado com os dedos, evite picá-lo com metal, pois ele oxida muito rápido.

 

nutrição

Qual a diferença entre as bebidas de frutas encontradas nas prateleiras dos supermercados?

É suco, é néctar ou refresco?

 

Suco: para ser considerado suco, o produto deve conter 100% do sumo da fruta. Não é permitida a adição de aromas nem corantes artificiais. É pura fruta. Alguns têm um pouco de água devido à viscosidade – caso do suco de manga. Corantes e aromas não entram na caixinha. Até pode conter açúcar, mas aí o termo “adoçado” precisa aparecer no rótulo. 100% do suco da fruta.

 

Néctar: o suco é diluído em água. Por isso, o produto é considerado uma bebida à base de fruta. Costuma apresentar açúcar e um determinado teor de aditivos, como conservantes e corantes. 30 a 50% do suco da fruta.

 

Refresco: Ele concentra menos suco da fruta e mais aditivos do que o néctar. Também leva água e açúcar. Quem preza os benefícios nutricionais, portanto, sai ganhando de longe ao priorizar os sucos de verdade. 10 a 30% do suco da fruta.

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste